top of page
Buscar

Novos ataques a modalidade.

Mais uma vez tentam denegrir a imagem da modalidade através de desinformação.


No início dessa semana veiculou um vídeo de uma garota que infelizmente fraturou o úmero, no vídeo mostra essa garota realizando a técnica do Hope Climb ou escalada na corda.


A atleta recebeu os primeiros socorros, e já realizou a cirurgia e está se recuperando. Essa lesão pelo que parece é o que chamamos de lesão por Stress não tendo ligação direta com o movimento executado no momento do vídeo, e sim com outros fatores como pré disposição genética, osteoporose, desgaste ósseo, lesões pré existentes e etc. O medico Rodrigo Jasbick postou em seu feed do instagran @seu_medico_faz_corssfit a seguinte informação

"a fratura de úmero em espiral por si só jé é rara! E ela ocorre mais no beisebol e nas lutas, no crossfit existem apenas 3 casos registrados"


E mais uma vez a questão da segurança de treinamento e lesões no CrossFit foram colocadas em pauta, discutindo sobre a segurança do exercício e até da modalidade inclusive pela pagina “associação dos personal trainers do estado do RJ” no facebook que publicou uma matéria sob o titulo de “cross fit: crime contra ao consumidor”, a matéria é extremamente sensacionalista e visa denegrir a imagem de uma modalidade esportiva com base em um incidente.


Em resposta ao post o Coach, atleta e educador físico @chiquinho publicou em seu Instagram a seguinte mensagem


“Vamos proibir o powerlifting que rompe bíceps no Levantamento TERRA, a barra cai no peito dos atletas no supino… vamos proibir o futebol afinal nosso Ronaldo Fenômeno teve uma lesão seríssima na Europa… vamos proibir o judô por que meu Sensei MORREU dentro do tatame… vamos proibir as esteiras por que um aluno MORREUUUUU dentro da academia onde eu frequentava…

Vamos proibir a corrida afinal quantas pessoas já torceram o pé correndo….

Vamos proibir o jiu jitsu afinal muita gente quebra o braço por aí…

Vamos proibir o MMA afinal nosso querido Anderson Silva quebrou as perna na frente de milhões de pessoas do mundo todo…

EUUUU VIVOOOO dentro de uma academia, eu dou aula de Crossfit, musculação, aulas Fitness…

Ao invés de ser SENSACIONALISTA O dono da página poderia jogar a FAVOR DO ESPORTE E lutar contra o maior crime educação física, o sedentarismo…

Espero que a moça se recupere logo…”


Em seu post Francisco Javier Toledo (Chiquinho) em tom de sarcasmo espoe alguns fatos indiscutíveis, todo esporte, todo movimento, existe um risco de lesão, o cross como qualquer outra modalidade não está isento disso, porém se bem orientado tem os riscos minimizados, algumas pesquisas apontam que o Cross Fit tem menos lesões que outros esportes como futebol americano (4,3), corrida de longa distância (2,5) Futebol (1,5) contra 0,89 do CrossFit a cada 1000horas de treinamento. (Já expomos pesquisas como essas outras vezes para ler mais clique a baixo.


Em entrevista para o HugoCross o representante da CrossFit no Brasil Ricardo Prudente respondeu:

“a gente não deveria estar discutindo o risco de fazer atividade física, a gente poderia discutir o pesadelo que é ficar parado no sofá”.

E este também é o posicionamento da marca Studio Cross, já não podemos mais perder tempo discutindo questões como essa, estamos focados em nossa missão de levar qualidade de vida e saúde ao maior número possível de pessoas através de nossos box.

Separamos abaixo alguns exemplo de como nossos alunos conseguiram melhorar sua saúde física, psicológica e estética através da pratica bem orientada em nosso box.




 

Bruno Nabarro Head Coach no Studio cross 8. Bacharel em educação física e saúde pela USP, mestre de taekwondo. Atua ha mais de 5 anos

189 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentarios


bottom of page